Não Conseguir Gozar Dentro – O Que Faço?

2
1946

Em alguns casos, de não conseguir gozar dentro da vagina da mulher, e isso pode causar constrangimento e uma situação desagradável para ambos. Porém o que poucos sabem é que isso é uma disfunção sexual e tem tratamento.

Não conseguir gozar com penetração, não é um problema muito comum, mas não deve ser visto como algo anormal e impossível de se curar.

Normalmente quem sofre deste problema, consegue gozar facilmente na ausência da sua parceira, seja com a masturbação ou mesmo tendo sonhos eróticos enquanto dorme, por isso muitas vezes não deve ser tratado como uma doença física.

Essa disfunção sexual é conhecida como “ejaculação retardada”, e ocorre quando o homem demora muito para gozar durante o ato sexual, fazendo com que muitas vezes ele ou a sua parceira desista e parem antes de que ele consiga ter o orgasmo.

Em muitos casos o orgasmo não acontece mesmo após muito tempo tentando.não conseguir gozar dentro é normal

Alguns homens passam por isso algumas vezes na sua vida, outros sofrem com esta disfunção a vida inteira.

Embora isso não cause nenhum problema sério de saúde física, pode ser uma fonte de estresse que consequentemente causará problemas na vida sexual do homem, nos seus relacionamentos e pode causar problemas psicológicos como ansiedade, depressão, baixa auto-estima, etc.

 

Não conseguir gozar Dentro. O que causa a ejaculação retardada?

Não conseguir gozar dentro, pode ser um problema causado por diversos fatores, como problemas psicológicos, condições crônicas de saúde, e reações a medicamentos.

As causas psicológicas para não gozar com penetração podem ocorrer devido a uma experiência traumática em relação ao sexo.

Tabus culturais ou religiosos podem dar ao sexo uma conotação negativa. A ansiedade e a depressão podem suprimir tanto o desejo sexual, o que pode resultar neste problema.

Problemas no relacionamento, falta de comunicação e raiva podem piorar a situação. Por isso quando o homem sofre com esta disfunção ele deve conversar com a sua parceira e explicar o problema. O ideal é que ela o entenda e o ajude a superar.

Certos produtos químicos podem afetar os nervos envolvidos na ejaculação, medicamentos como antidepressivos (Prozac), antipsicóticos (Mellaril), medicamentos para pressão alta (guanetidina), diuréticos e álcool podem causar a ejaculação retardada.

Como normalmente o homem que tem problema em gozar dentro da sua parceira, não tem nenhum problema com a ereção, a princípio ele pode se sentir muito orgulho pelo fato de poder ficar “duro” e manter uma relação sexual por mais tempo do que o normal.

No entanto, se a relação sexual se prolonga em excesso, pode resultar em algo desagradável para a mulher, já que a a sua lubrificação diminui, podendo causar dor na vagina e no canal vaginal, e com isso a inflamação da mucosa vaginal, que produz o ácido láctico que mantém a acidez das secreções vaginais, que é uma forte defesa contra infecções. A falta desta acidez pode resultar em coceira.

 

Como a ejaculação retardada é diagnosticada?

Um exame físico e a explicação de seus sintomas são necessários para fazer uma análise inicial.

Se existe a possibilidade de ser um problema  crônico de saúde, mais exames serão pedidos, incluindo o de sangue e urina para detectar se há infecções, desequilíbrios hormonais, etc.

Outro exame que pode ser feito, é testar as reações do pênis com um vibrado, já que isso pode revelar se o problema é psicológico ou físico.

 

Como tratar este problema?

O tratamento que será realizado, irá depender da causa que foi diagnosticada.

Em casos em que o problema resulta no fato do homem nunca ter conseguido ejacular, será preciso fazer uma consulta com um urologista, para ver se é algum problema de nascença, e se a disfunção sexual foi causada devido a medicamentos. Neste caso o homem deverá conversar com o seu médico a respeito de mudar o tratamento.

Existem alguns remédios que tem sido usados, porém não foi comprovado cientificamente se eles realmente funcionam.

Agora independente da disfunção ser causada por problemas de saúde física ou mental, é sempre importante que o homem faça um tratamento psicológico para ajudar a tratar a depressão, ansiedade, medos e outros problemas que isso pode causar.

Não conseguir gozar dentro da sua parceira, pode causar alguns conflitos no relacionamento, e o tratamento ou aconselhamento psicológico irá ajudar a resolver os problemas do casal, inclusive a falta de prazer sexual, ansiedade e incapacidade de engravidar a parceira.

Problemas em gozar com penetração tem solução, e não é algo que o homem deve achar que acontece apenas com ele. A melhor maneira de tratar é consultando um médico, psicólogo e conversando com a parceira, para que ela o apoie e o ajude a superar esta disfunção sexual.

Loading...
[Total: 5    Média: 3/5]
loading...

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here